Acessos

O mundo precisa conhecer JESUS...É TEMPO DE PREGAR O EVANGELHO....

Uma Chamada para MISSÔES


A Doutrina humana tem influênciado mais do que a Doutrina de Deus?
Sim
Não
Resultado

terça-feira, 7 de julho de 2009

Curiosidades Biblicas

Os Perigos de Cruzar os Braços

Salmo 18.2

Em certos momentos de nossas vidas, nós nos deparamos com situações impossíveis de serem ultrapassadas, muitas vezes por situações que não dependem de nós para serem resolvidas. Na maioria dessas situações o responsável direto se chama satanás.
A função do diabo é: Parar os Cristãos ou Acelerar os Cristãos.
PARAR é uma atividade que ele exerce naturalmente, tentando sempre estragar os planos dos cristãos.
ACELERAR é outra maneira que satanás utiliza para estragar as vidas dos cristãos. Como ele acelera os cristãos?
Mexendo com o ego da pessoa, dizendo no ouvido da pessoa: Você prega muito, quando você ora os corações são quebrantados, etc...
É exatamente desta maneira que ele age, tentando massagear o ego das pessoas, para que essas pessoas acreditem que tudo que está acontecendo, que esse poder vem delas próprias e não de DEUS.
Muitas vezes, em nosso dia a dia, satanás e seus demônios de levantam contra nós. E é nestes momentos que muitos não sabem como se comportar, ou melhor, de que maneira agir.
O que fazer diante destas situações Batalhas Espirituais? (Am. 6,1) - Jamais Cruzar os Braços.

- Davi foi um homem extremamente vitorioso em suas batalhas, o SENHOR estava com ele.
- Em nenhum momento Davi cruzou os braços.

Os Perigos de Cruzar os Braços
- Quem cruza os braços não consegue abrir o seu coração para ouvir a DEUS, pois só está esperando as coisas caírem do céu.
- Quem cruza os braços fica sem saída alguma diante da situação.
- Quem cruza os braços está à mercê das circunstâncias adversas.
- Quem cruza os braços está sem poder de reação.
- Quem cruza os braços é porque sabe que vai esperar por muito tempo.

 Atitudes a se tomar em uma Batalha Espiritual

(SL 18,3) - Clamar / Invocar ao Senhor!
- Só invoca ao SENHOR aqueles que confiam. (SL 18,2).
- DAVI não deixou o medo tomar conta dele, invocou o SENHOR assim que a angústia bateu. (SL 18,6 A)
- DEUS nos ouve e age no tempo DELE. (SL 18,6 B)
- DEUS não nos livra do problema e sim NO PROBLEMA. (SL 18,16)

(SL 18: 20-26) - Andar em Santitade!
 - DEUS só enxerga aqueles que andam em santidade, DEUS não reconhece o pecado.
- DEUS recompensa aqueles que seguem os seus caminhos.
- Sempre haverá uma recompensa para aqueles que guardam os caminhos do SENHOR. Vale a pena.
- Quem anda em santidade não abre brechas para a construção de fortalezas.
- Não adianta andar em santidade e não utilizar o escudo do SENHOR! (BÍBLIA). (SL 18,30)

(SL 18,34) - Guerrear Contra os Nossos Inimigos.
- DEUS nos capacita para a batalha.
- Devemos enfrentar os nossos inimigos para que não sejamos consumidos por eles.
- DEUS disse que vai nos capacitar para a guerra e não nos tirar da guerra. DEUS não nos livra do problema e sim nos livra NO PROBLEMA.
- Quem não luta é consumido pelos inimigos.
- Quem luta em uma guerra com a confiança em DEUS jamais perderá. (2 Sm 17,45).

(SL 18,44) - Ser Igreja.
Durante uma batalha espiritual ser igreja faz a diferença.
 - Igreja exerce a sua autoridade. (SL 18,44)
- Igreja é a MAIOR autoridade espiritual na Terra. (SL 18,47).
-Igreja é o povo escolhido do SENHOR! (SL 18,50).
- A Igreja obedece ao SENHOR.

História do Alpinista no Aconcágua.

Esta é a história de um alpinista que sempre buscava superar mais e mais desafios. Ele resolveu depois de muitos anos de preparação, escalar o Aconcágua. Mas ele queria a glória somente para ele, e resolveu escalar sozinho sem nenhum companheiro, o que seria natural no caso de uma escalada dessa dificuldade.
Ele começou a subir e foi ficando cada vez mais tarde, porém ele não havia se preparado para acampar, resolveu seguir a escalada decidido a atingir o topo.
Escureceu, e a noite caiu como um breu nas alturas da montanha, e não era possível mais enxergar um palmo à frente do nariz, não se via absolutamente nada. Tudo era escuridão, zero de visibilidade, não havia lua, e as estrelas estavam cobertas pelas nuvens.

Subindo por uma "parede" a apenas 100m do topo ele escorregou e caiu ...

Caia a uma velocidade vertiginosa, somente conseguia ver as manchas que passavam cada vez mais rápidas na mesma escuridão, e sentia a terrível sensação de ser sugado pela força da gravidade.
Ele continuava caindo ...e nesses angustiantes momentos, passaram por sua mente todos os momentos felizes e tristes que ele já havia vivido em sua vida ... de repente ele sentiu um puxão forte que quase o partiu pela metade...Shack! Como todo alpinista experimentado, havia cravado estacas de segurança com grampos a uma corda comprida que fixou em sua cintura.

Nesses momentos de silêncio, suspendido pelos ares na completa escuridão, não sobrou para ele nada além do que gritar:

- Ó meu Deus, me ajude !!!

De repente uma voz grave e profunda vinda do céu respondeu:

- O que você quer de mim ?
-Me salve meu Deus por favor !!!
- Você realmente acredita que possa te ajudar ?
- Eu tenho certeza, meu Deus !!!
-ENTÃO CORTE A CORDA QUE TE MANTÉM PENDURADO ...

Houve um momento de silêncio e reflexão. O homem se agarrou mais ainda à corda e refletiu que se fizesse isso morreria...
Conta a equipe de resgate que no outro dia encontrou um alpinista congelado... morto... agarrado com força... com as suas duas mãos a uma corda...A TÃO SOMENTE DOIS METROS DO CHÃO...

Reflexão da HISTÓRIA.

- Muitas vezes decidimos seguir em nossa caminhada ministerial desta maneira, com ousadia de subir os montes sozinhos, e não deve ser desta forma, pois somos um corpo e todos temos que estar juntos (UNIDOS).
- Chega uma hora que DEUS nos pergunta você realmente confia em MIM? ENTÃO CORTE A CORDA E SE LANCE NA PRESENÇA DE DEUS.
- Quem sabe a solução dos seus problemas está a dois metros do chão, e você está com medo de confiar em DEUS. Confie, Ele é SOBERANO.
- Se DEUS está lhe direcionando para fazer algo, faça sem medo.

CONCLUSÃO

O porquê do SALMO 18:

- Mostrou-nos que não devemos somente nos defender dos nossos inimigos e sim ataca-los com as armas que DEUS nos deu e Ministrar Libertação aos Cativos.
- Pois tenham a certeza que aparecerão muitas pessoas com problemas espirituais e devemos estar preparados como obreiros e membros para ajudar estas pessoas.
- Tenhamos conciência de que somos Igreja e que devemos lutar contra as hostes espirituais.
- Pois DEUS trouxe um de cada lugar para sermos um só corpo.
Então, não estamos aqui por coincidência do destino e sim devido a uma JESUSCIDÊNCIA.

0 comentários:

Postar um comentário